Contador de Vidas

24258


A perda de sua filha Laurinha, vítima de complicações médicas incluindo sepse, motivou o arquiteto de sistemas Jac Fressatto a desenvolver uma inteligência artificial capaz de gerenciar riscos da doença. Hoje, o Instituto Laura Fressato já ajuda a salvar doze vidas por dia. E pode salvar muito mais! A meta é impactar positivamente 1 bilhão de pessoas.

Pacientes conectados:
2.560.938

Veja como o nosso Contador de Vidas funciona.

  • 1 - Selecionamos todos os registros médicos desde a data de entrada do Robô Laura no hospital
  • 2 - Identificamos o último registro do paciente (alta ou óbito) para excluir dados duplicados
  • 3 - Selecionamos os dados de alerta
  • 4 - Relacionamos as duas bases anteriores (registros médicos e alerta) para identificar quem recebeu um alerta ou não
  • 5 - Selecionamos os dados de protocolos de sepse, quando disponível
  • 6 - Identificamos quais pacientes tiveram ou não antibiótico prescrito
  • 7 - Por fim, identificamos quem teve: alta médica; pelo menos um alerta; protocolo de sepse aberto; ou tomou antibiótico. Um destes pacientes conta como vida salva pela Laura

#BoraSalvarVidas